Coronavírus: Luz para artesãs em tempos de quarentena

19/3/2020

Hoje é dia do artesão! Com a expansão do coronavírus (COVID-19) nós precisamos tomar precauções e restrições no trabalho e na vida que nunca precisamos antes, estamos conscientes de que as mulheres artesãs da nossa rede precisam mais do que nunca de apoio em rede. Estamos atentos e nos organizando para ações concretas e escuta amorosa nesse tempo de quarentena. Em nossas ações queremos que cada pessoa da nossa rede se sinta acolhida de alguma forma.

 

Como plano de ação estamos seguindo esse caminho:

 

- Desde 2015 estamos migrando grande parte das nossas ações para o universo online. Achamos que esse pode ser o momento de acelerar a inclusão digital das artesãs. Por isso, nossos cursos da Escola deNegócio das Artesãs estão disponíveis GRATUITAMENTE para assistir pelo celular ou computador na Plataforma Asta [é só entrar na área de Escola]. É aberta para qualquer artesã do Brasil de iniciante a profissional.

 

- Estamos construindo conteúdos para negócios artesanais tanto com foco de negócio quanto humano que serão oferecidos online e ao vivo, por meio de LIVE. Divulgaremos os temas, horários e link para assistir na Plataforma Asta.

 

- Lá também mostraremos dicas, boas práticas e ações que estão sendo feitas por outras organizações e pessoas individuais que fortalecem a cadeia do artesanato nesse tempo de quarentena.

 

- Os projetos em andamento acontecerão online e remotamente. Sabemos que é possível continuar o trabalho que nos comprometemos sem perder a qualidade.

 

- Iremos contatar os nossos parceiros de valorização do artesanato e empresas que já fizemos parceria de geração de renda anteriormente para pensar alternativas de movimentar a economia.

 

- Estamos mapeando os mais vulneráveis dentro dos fazem parte da nossa rede e iremos movimentar uma rede interna de apoio para fornecer suporte.

 

- Trabalharemos com a nossa rede também ações de conscientização sobre saúde e prevenção.

 

- Pedimos às empresas que não parem de apoiar pequenos produtores, eles serão os primeiros tombar nesta crise.

 

- Nossa equipe toda já está trabalhando de casa e se cuidando.

 

Acreditamos que muita inovação vá surgir desse tempo difícil e que é uma fase. Estamos juntos, mas fiquem em casa!